13 de set de 2013

Hate That I Love You - Eu encontrei

As consequências de nossos atos são tão complexas, tão diversas que predizer o futuro é uma coisa realmente difícil.
- Capitulo 10 -

1 més depois 

como assim não a encontraram? -gritou Justin terrivelmente irritado- 
não dá Justin, é como se ela tivesse sumido do mapa , mesmo com a ajuda de todos que tem parceria contigo não a encontramos, e procuramos em cada canto da cidade, ela simplesmente evaporou -falou Ryan preocupado-

um celular tocou e Justin viu ser o seu, atendeu mesmo sendo um numero desconhecido, travou ao ouvir a voz de um antigo inimigo.


e ai Justin.
o que você quer maldito? -perguntou sem paciência-
tenho algo que te interteça -falou convencido-
o que você tem que poderia me interessar? -nervoso- 
uma ruiva de olhos verdes.
me devolva konan, agora -gritou mostrando o nervosismo- 
ah, então sabe de quem eu to falando? -rir sínico- 
me devolva konan ou eu vou te matar.
claro que devolvo, mais antes eu vou me divertir mais um pouco, até Justin -rir-
não desl...

tarde de mais, Pietro desligou

eu sei onde konan está
onde ? -perguntou Ryan-
com o pietro.

...

Konan estava em um estado deplorável pra não dizer pior, a ruiva tinha machucados por todo o corpo, -menos no rosto,Pietro não queria estragar-lhe o rostinho de anjo-, todos mal cicatrizados, estava mais magra e mais pálida, davam-lhe comida -se é que se pode chamar assim- uma vez por dia, um copo de água duas vezes por semana, era sagrado que todos os dias viesse alguém para estuprá-la da pior forma possível, sentia frio, muito frio, como se tivesse no inverno mais impiedoso em baixo de um monte de neve sem nenhuma roupa no corpo, os olhos verdes agora estavam sem foco, sem o brilho tão costumeiro, os lábios rosados naturalmente agora estavam roxos.

Se Justin era ruim, Pietro era 20 vezes pior, Justin não matava a não ser que fosse necessário, Pietro matava por diversão.
Justin era o diabo, Pietro era o próprio demônio

não tinha pena de nada, fazia o que queria com Konan sem hesitar um segundo se quer....
a porta do quarto foi aberta mais Konan continuou do mesmo modo, não tinha mais forças pra nada, principalmente pra lutar, sentia que estava perto da morte.

acho que tá na hora de te devolver. -falou pietro com divertimento na voz- vamos ver se Justin me dá tudo que eu quero por você. -rir-


...

Justin, eu encontrei, eu sei onde konan está -gritou Ryan descendo as escadas chamando a atenção de todo o batalhão que estava ali-
onde? -perguntou Chaz contendo o sorriso-
fala logo Ryan, eu preciso encontrar a minha ruivinha... quer dizer, a Konan.
ela está com o Pietro, em uma velha mansão, e adivinha Justin, ele está na mesma mansão em que você matou o pai dele.
então por isso ele pegou Konan
sim Justin, ele quer de volta o império que você pegou do pai dele.
-rir- vamos, quero tirar konan das mãos dele logo.
vamos

...

sabe konan, acho que Justin não se importa com você, nem mesmo atende ao telefone, mais não se preocupe, eu tento mais tarde -rir-

caminhou até konan soltando os pulsos da mesma que caiu no chão gemendo roucamente de dor, pietro riu e a levantou jogando-a no chão recebendo outro gemido de dor.

sabia que todo o império do seu dono era do meu pai -levanta a ruiva pelos pulsos- e você vai me ajudar a recuperar tudo, Justin me daria qualquer coisa por você, eu sei disso -rir-

+10 comentários

sinceramente abandonar o blog de vez me parece a melhor das opções, sei que fiquei muito tempo longe mais agora estou de volta, vocês poderiam colaborar um pouquinho, apenas algumas das minhas leitoras estão comentando e eu que não perdi todas, pelo menos uma 15 leitoras eu ainda devo ter né?
tenho tantas visualizações no blog, nos caps, mais cadê os comentários? o gato comeu?

eu tenho leitoras até nos estados Unidos, mais cadê?