22 de dez de 2012

∞ All I Want Is You (4)

Ah, agora você acha que me conhece , Você esqueceu como Você me fazia sentir Quando você arrastava o meu espírito
Mas obrigado pela dor, Me fortaleceu
E eu ainda estou me erguendo, ainda estou me erguendo
É( Who's laughing now - Jessie J )




Jenny P.O.V

 Abri os olhos e olhei ao redor, estava no quarto do papai, lembrei do que avia acontecido e instintivamente levei a mão a minha barriga, tentei levantar mais senti uma forte dor na minha mão e na minha perna que estavam quebradas, não sei se mencionei, mais estou com a mão e a perna engessada, e pior... papai não deixou que me comprassem moletas, queria que eu me arrastasse pela casa, apenas por pura maldade...

me senti horrível, realmente horrível, meu próprio pai me empurrou da escada, tudo pra me fazer perder meu filho, e o mais incrível, é que essa criança é neto dele e ele nem se importou, acho que dessa vez ele foi longe de mais, e eu não sei o que faria se ele tivesse conseguido me fazer perder meu filho.

ouvi batidas leves na porta e tio Ryan entrar em seguida...

Ryan: oi boneca
Eu: oi tio Ryan -sorri triste-
Ryan: está se sentindo bem?
Eu: sim, e quanto ao meu filho tio? ele está bem?
Ryan: o Dr acabou de sair daqui e ele disse que sim, seu bebê está bem.
Eu: é um alivio ouvir isso.
Ryan: Jenny, eu tenho uma coisa pra te falar
Eu: pode falar tio 
Ryan: promete não se assustar?
Eu: sim
Ryan: não conte nada ao seu pai
Eu: por favor tio, fale logo, agora sim o Sr está me assustando.
Ryan: Jenny, eu estou apaixonado por você -sussurrou-
Eu:  o quê? -perguntei em choque-
Ryan: eu estou apaixonado por você, eu já sabia, mais não tinha certeza, tive a certeza hoje quando te vi jogada no chão e o desespero tomou conta de mim.
Eu: tio Ryan -sussurrei-
Ryan: eu sei que você não sente o mesmo, mais eu não posso mais negar oque sinto por você.
Eu: tio, eu gosto muito de você.
Ryan: eu te amo pequena

sussurrou e me abraçou forte deixando que eu derramasse algumas lágrimas em seu ombro...
ouvimos um baque forte na porta e papai entrar por ela bufando tamanha era sua raiva.

Jus: que porra é essa aqui? -gritou-
Ryan: Justin,não é o que você tá pensando.
Jus: cala a boca, e você sua vadia, tá doida pra dá de novo é?
Eu: papai
Jus: não me chama de pai -grita- e você seu filho da puta, eu quero você longe da Jenny entendeu? -gritou saindo-
Ryan: eu vou falar com ele
Eu: não, com a raiva que ele está é capaz de matar você e eu não quero que nada te aconteça.
Ryan: se preocupa comigo? 
Eu: sim -cora-
Ryan: -cora- tudo bem, eu não vou, mais tenho que sair daqui por enquanto, você ouviu o que ele falou.
Eu: certo.

ele caminhou até mim e me deu um selinho saindo em seguida, sorri de lado, apesar de estranho, era fofo, assim que ele saiu, eu sai também indo direto pro escritório do papai, precisava falar com ele.

Justin P.O.V

o que aquele viado tava fazendo com a Jenny? sozinhos? no quarto? ele que não se atreva a fazer nada, sou capaz de matá-lo, ela é somente minha, mesmo sem saber...
 a porta do meu escritório foi aberta e Jenny entrou por ela , uma raiva imensa tomou conta de mim, apenas de imaginar ela e Ryan.

Jenny: papai, eu vim aqui di....

não deixei que ela terminasse e a empurrei contra a parede.

Eu: você não vai mais ficar sozinha com o Ryan entendeu? -sussurrei fazendo-a se arrepiar- e só pra ter certeza de que você vai me obedecer...

me afastei um pouco e dei um chute em sua perna quebrada fazendo-a dá um grito agudo e cair no chão, chutei sua mão e suas lágrimas começaram a cair, ia chutá-la na barriga mais parei ao ouvi-la gritar.

Jenny: para Justin, por favor para -soluça-

arregalei levemente os olhos ao ouvir como ela me chamou mais me recompus rapidamente, chutei sua barriga sentindo a raiva me dominar, odeio quando ela me chama de pai, mas odeio mais ainda quando ela me chama de Justin, talvez eu seja um pouco confuso e complicado de se entender.
a levantei pelo cabelo e a joguei contra a parede porém ela não caiu, apesar do impacto contra a parede ela ficou de pé fazendo-me por instantes admirá-la por tamanha força.

ia me aproximar pra continuar o meu "trabalho" mais parei no momento em que ela pulou em cima de mim me abraçando forte e com mais força ainda escondendo o rosto no meu pescoço, tentei empurrá-la mais não consegui, ela estava literalmente grudada em mim.

Jenny: por favor não, não faz isso comigo de novo -sussurrou chorando e soluçando-

por um misero segundo senti-me mal pelo que fiz, mais a raiva e o ciumes foi maior que o amor que sinto por ela.

Eu: eu fiquei com ciumes -sussurrei retribuindo o abraço- 
Jenny: ciumes por quê? 
Eu: poxa , será que você nunca percebeu? eu te amo Jenny
Jenny: mais não é isso que você demostra.
Eu: é que eu te amo, mais me irrito apenas de olhar pra você e lembrar que outra pessoa pode ter te tocado e....
Jenny: você me culpa pela morte da mamãe, essa é a verdade
Eu: você fugiu e a deixou sozinha -me afastei-
Jenny: ela mandou
Eu: não importa, você não podia tê-la deixado sozinha -gritei começando a ficar com raiva- a culpa foi sua.
 Jenny: eu não tive culpa , eu não sabia o que fazer.
Jus: devia ter se jogado na frente da bala e morrido no lugar dela. -gritei-

Jenny me olhou nos olhos mostrando toda a tristeza que sentia naquele momento, me amaldiçoei mentalmente, não deveria ter dito aquilo, por mais que quisesse não deveria.

Jenny: eu tento me convencer todos os dias de que a culpa não foi minha -soluça- e ouvir de você foi a gota de água pra mim.

sussurrou e saiu, sai atrás dela mais ela entrou no quarto e trancou a porta enquanto eu tentava a todo custo abri-la.

Eu: me desculpa -gritei alto- Quando você vai entender -gritei- tudo que eu quero é você(All I Want Is You)



Continua...

Leiam também : http://iimagine-beliieber.blogspot.com.br/

Luanny: aqui a barra de espaço que você me pediu → (Click Here)

Hey amores, estou com um layout disponível, é um layout do One direction, quem gostar deles e quiser o layout é só avisar nos comentários.
para visualizar o layout clique → (Clique aqui para visualizar)


awwn, que comentários mais lindos, mais fofos, mais sexy's, tá parei, desculpem não ter postado antes, não estava me sentindo bem então não pude postar, sorryBeki, Evellin, gostaria de pedir a vocês que revessem todos os caps de suas histórias e corrigissem todos os erros, Obg u.u