2 de set de 2012

Proibido 2ª Temporada        -Cap 4


::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::

Sam P.O.V

Sai da casa o mais rápido possível, estava meio atordoada, confusa e feliz ao mesmo tempo, mesmo sendo meu irmão sinto uma ligação além, é meio inexplicável , caminhei até a pista e comecei a atravessá-la irresponsavelmente sem olhar para os lados, um carro apareceu do nada e eu fechei os olhos, porém o baque não veio, abri os olhos e vi o carro a centímetros de mim, o motorista saiu do mesmo e me olhou preocupado.

Xx: você está bem?
Eu: sim

falei e de repente as coisas ao lado dele começaram a ficar escuras, alguns segundos depois tudo apagou.

[ ... ]

Abri os olhos e a cena que vi não foi das melhores, tinha uma garota suspensa por uma corda , estava completamente nua, tinha um filete de sangue escorrendo por sua boca e um pequeno corte em sua barriga, não estava muito machucada, olhei ao redor e percebi está em um quarto, apenas uma pequena janela clareava o local, ótimo, sou a garota mais sortuda do mundo, quase fui atropelada e ainda tinha que ser por um psicopata, levantei e caminhei até a garota, aproximei meu rosto do dela e levei um susto quando ela abriu os olhos de repente, cai de bunda no chão.

Xx: me ajuda

pediu sussurrando , me recuperei do susto e levantei, olhei ao redor a procura de algo que pudesse me ajudar e avistei uma pequena mesa no canto do quarto, caminhei até ela, na mesma aviam objetos que pareciam ser de tortura , entre eles encontrei uma faca, a peguei e caminhei até a garota novamente, passei uma de minhas mãos em volta da cintura dela e com a outra cortei a corda que a segurava, a apertei contra mim impedindo que ela caísse, a sentei no chão encostada na parede, tirei meu sobretudo e coloquei nela.
sentei-me ao seu lado.

Eu: tudo bem?
Xx: agora sim.

levantei e peguei a faca que eu avia colocado no chão, fui até a pequena janela e a quebrei, peguei tudo que tinha em cima da pequena mesa e joguei pra fora, aquilo poderia ser usado contra nós.

Eu: pegue tudo que possa ser usado contra nós e me entrega.

falei e ela obedeceu, pegou tudo que pudesse nos machucar , depois de me entregar tudo ela sentou no canto, não parecia bem, terminei de jogar tudo pra fora e sentei ao lado da garota que até então não sei o nome.

Eu: qual seu nome?
Xx: Ana Marie(Merry)
Eu: prazer, sou Sam.
Ana M: prazer

ficamos em silêncio por algum tempo até ela começar a tremer, seus lábios estavam levemente arroxeados.

Eu: está com frio?
Ana M: sim.

a puxei colocando-a entre minhas pernas, era como uma irmãzinha mais nova já que ela parecia ser bem mais nova que eu.

...

a porta foi aberta e por ela adentrou um policial, levantei rápido puxando Ana comigo.

Policial: vocês estão bem? 

balançamos  a cabeça positivamente afirmando que estávamos bem, atrás dele apareceu Justin, ao vê-lo me senti segura, corri até ele e pulei em seu colo.

Justin: você está bem? ele te machucou?
Eu: eu to bem, mais onde ele está? 
Justin: ele foi preso, é famoso por sequestrar garotas, estupralas e torturalas.
Policial: e você mocinha, vamos te levar pra casa.

falou com Ana, ele veio até mim e me abraçou.

Ana M.: Obrigado por cuidar de mim
Eu: não foi nada -sorri-

ela sorriu e saiu com o policial, eu e Justin saímos logo em seguida.

{ ... }

entramos em casa encontrando nossos "pais" sentados no sofá, "papai" estava sorrindo e Daniel alisava sua barriga.
fique com um "?" bem no meio da testa, ao me verem levantaram-se e me abraçaram forte.

Daniel: que bom que você está bem princesa.
Pai: fiquei preocupado, mais Justin me ligou dizendo que já tinha te encontrado.
Eu: é, o Justin é meu herói. -sorri- 
Justin: -cora- eu? herói? que nada, só salvei minha nam... quer dizer minha maninha.

estranhei porém não disse nada.

Daniel: sentem-se, temos uma novidade.

eu sentei no outro sofá com Justin ao meu lado.

Eu: qual a novidade? 
Justin: falem logo, vou morrer com tanta curiosidade.
Daniel: certo, conta pra eles amor.
Pai: eu... eu estou grávido -SORRI-
Eu: o quê? -gritei-

e Justin estava paralisado como se tivesse assimilando o que acabara de ouvir.

Justin: isso... isso é impossível, você não pode engravidar , você é gay mais ainda é um homem. 
Daniel: também achamos que fosse impossível.
Pai: mais eu posso explicar, um Médico britânico Robert Winston, um dos maiores especialistas em inseminação artificial, afirmou que os homens podem engravidar e ter filhos. Winston disse que a Medicina evoluiu tanto nos últimos tempos, que já existem técnicas capazes de implantar um embrião no abdômen de um homem, possibilitando que ele tenha um filho, se for submetido a um tratamento à base de altas doses de hormônios femininos. 
Na avaliação dele, os médicos poderiam implantar o embrião no abdômen e ligar a placenta a algum órgão interno, como o intestino. Isso daria condições ao embrião de receber os nutrientes necessários para se desenvolver. Depois, o bebê nasceria através de uma cesariana. 
claro que pode ocorrer complicações mais não vamos pensar nisso no momento, minha gravidez vai ocorrer normalmente.
Eu: então você vai fazer um tratamento?
Pai: sim, tenho  um médico que vai acompanhar toda a minha gravidez.
Daniel: então o que acharam?
Justin: não vejo a hora de ensinar meu irmãozinho a pegar garotas. -sorri-
Eu: -revirei os olhos- fico feliz, vou ter um irmãozinho/irmãzinha . -sorri-
Pai: vamos sair, tenho médico hoje, Daniel vai comigo, comportem-se ok?
Eu: certo.

eles saíram e Justin me olhou de um jeito estranho, parecia triste.

Eu: está tudo bem?
Justin: sim, quer dizer, não.
Eu: por que?
Justin: queria que você lembrasse de mim, de nós. -abaixa a cabeça- 
Eu:  de nós?
Justin: esqueça o que eu disse ok? não é nada.

falou e levantou-se, subiu as escadas e um flash back do acidente veio em minha cabeça, consegui lembrar do acidente, tentava lembrar mais, forçava minha mente e isso fez com que uma enorme dor tomasse conta da minha cabeça, minha vista começou a ficar escura, levantei e cambaleei pelas escadas, ao chegar no último degrau minha vista escureceu totalmente, perdi as forças nas minhas pernas e antes de começar a cair gritei o mais alto que pude pelo Justin.

Eu: Justin , eu lembro de você. -apaguei-

....

Leiam também: blog thalia-de.blogspot.com.br
-
Leiam a sinopse de As long as you love me clicando aqui =>Clica

Oii minhas princesas lindas, primeiro de tudo, cadê minha, Tatah, Rafaela, Érica, todo mundo decidiu me abandonar foi? eu não abandono vocês , por que cês me abandonam? segundo, Juliana menina, não suma mais, senti sua falta. Beki e Rafaela, a postagem de vocês já tem comentários, postem ok? , eu já tenho vocês pra que minhas bonequinhas não fiquem sem nada quando eu não puder postar. vou tentar postar todos os dias novamente, comentem pra eu poder postar amanhã, se eu não postar ou é por que não tem comentários ou porque to com meu namorado.


3 garotas no msn me perguntaram se sou eu que faço os designs do meu blog, e pra quem quer saber mais não tem contato comigo fora do blog, vou falar, sim, todos os designs sou eu que faço, então bebês se vocês gostam mesmo dos meus designs e tiverem blog e não saberem mexer em HTML, é só falarem comigo aqui mesmo pelos comentários que eu faço um design pra vocês, se forem pedir não esqueçam de deixar o twitter pra eu entrar em contato com vocês por lá.