14 de jun de 2012

Sequestro Cap 2 ✧


-------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Skiler: você ainda não me disse seu nome.
Justin: Justin
Skiler: lindo nome -sorri-
Justin: não tanto quanto seu sorriso
Skiler: -cora- obrigado 


Justin ficou conversando com a garota por horas, quando deu 00:00 noite ambos foram dormir, Justin em outro quarto e ela no que estava, pela manhã 
Skiler acordou sendo sacudida, abriu os olhos e viu Justin.

Justin: Bom Dia bela adormecida 
Skiler: -cora- bo-bom dia
Justin: você cora atoa -rir-
Skiler: -cora bruscamente- não é verdade
Justin: é sim, mais você fica linda corada, aqui seu café -entrega a bandeja- 
Skiler: obrigado.

após tomar café ficaram conversando um pouco, Justin decidiu tomar uma iniciativa, precisava transar e teria que ser com ela, puxou-a
pelas pernas fazendo-a ficar em suas pernas.

Justin: posso?

pergunta pegando no botão da blusa

Skiler: pode -cora-

Justin tirou a blusa da mesma, Skiler o ajudou a tirar a própria blusa, tirou sua bermuda e por último sua cueca e a calcinha da garota, ficou por cima dela e a 
penetrou lentamente , não, não queria machuca-la, fez movimentos leves de vai e vem enquanto ouvia o gemido baixo de Skiler em seu ouvido, aquilo
o excitava mais que os gritos de dor que era costumado a ouvir.
a penetrou mais rápido e ouviu um gemido alto como prêmio, Oh sim, aquilo estava sendo uma delicia.
depois de alguns minutos Justin gozou e sentiu Skiler fazer o mesmo, saiu de dentro da mesma com cuidado e deitou-se ao lado puxando-a para seus 
braços.

Justin: você foi ótima
Skiler: mesmo? -cora-
Justin: com certeza
Skiler: está mentindo -esconde o rosto com as mãos-
Justin: não estou não  -puxa as mãos dela-  e não esconda o rosto.
Skiler: estou vermelha como um tomate 
Justin: fica linda -sorri-
Skiler: não fico não
Justin: fica sim -a beija na testa-
Damon: Justin

chama Damon entrando no quarto

Justin: o quê? -empurra Skiler-
Damon: precisamos conversar 
Justin: fala
Damon: manda ela pra junto dos outros primeiro 
Justin: -suspira- beleza

Justin levou Skiler pra junto dos outros e saiu, Skiler viu que os 5 estavam amarrados então os soltou, abaixou-se perto dos 5 e tentou puxar conversa, o que
foi envão já que nenhum deles respondeu.

....

25 minutos depois.

Ao ver que a conversa não ia rolar Skiler aquetou-se em um canto, Damon apareceu e não gostou nada de ver que ela avia os desamarrado.

Damon: cadela, quem te mandou desamarra-los?
Skiler: eu -
Damon: cala a boca

gritou ele e deu-lhe um tapa na cara.

Damon: e você vem comigo.

falou puxando o garoto que aparentava ter 11 anos, Skiler enfureceu-se só em imaginar o que farião com aquele garoto que ao ser ver era a coisa mais fofa
do mundo.

Uma semana depois.

uma semana avia se passado e tudo continuava na mesma, Skiler sendo abusada por Justin e por Damon, ficava feliz sempre que percebia Justin tratando-a 
bem, era a única coisa que ainda a mantinha de pé, o carinho que Justin a dava quando estavão sozinhos, porém, a mesma não se conformava em ver 
aquelas 5 criaturinhas serem maltratadas, mais o que fazer? como ajuda-los? eis as questões.
Skiler estava deitada ao lado de Justin, aviam acabado de transar e agora ambos conversavam. 

Justin: te observei por 2 meses até finalmente te sequestrar
Skiler: mesmo?
Justin: sim
Skiler: nunca te vi
Justin: isso é porque sou um ninja -rir- 
Skiler: -rir- engraçadinho
Justin: por te observar esse tempo é que eu já ... -para-
Skiler: você o quê?
Justin: nada.
Skiler: aah, nada? -decepcionada- 
Damon: Hey Justin

grita Damon entrando no quarto fazendo Justin empurrar Skiler mais uma vez.

Justin: o que foi Damon?
Damon: preciso me aliviar?
Justin: e?
Damon: que agora ela é minha.

falou ele indo pra cima de Skiler.

Justin: agora não Damon
Damon: eu preciso transar e eu quero ela
Justin: vai com cuidado 
Damon: qual é a tua Justin? nunca se importou com isso.
Justin: eu sei, é só que...
Damon: você tá gostando dela
Justin: claro que não
Damon: então
Justin: ela é só meu brinquedinho Damon
Damon: mais eu te vejo a tratando bem.
Justin: só não quero brinquedo quebrado
Damon: isso não justifica tratá-la bem sempre
Justin: só fiz isso pra ganhar a confiança dela, sabe como é né? pra eu poder ter sexo sem ser a força
Damon: esperto -rir-
Justin: -rir- eu sei 

-------------------------------------------------------------------------------------------------------------

O N T I N U A...




-------------------------------------------------------------------------------------------------------------
Cadê minha Dani e Minha Jéssica? #Apareçam
amores mandem twitter que eu aviso vocês sempre que eu postar um cap novo, quem não quizer que eu avise é só não deixar o twitter, anônimos, não esqueçam deixem nome ou twitter pra eu saber quem vocês são
Ottey? Ottey u.u
-------------------------------------------------------------------------------------------------------------
Vocês são um bando de taradas u-u, sei que tão gostando das partes hot's U.U
mais admito, eu tbm ser uma tarada(pelo Jerry) I want Jerry(66 kkk
parey u.ú
bom bebês, eu fui boazinha, postei 2 Capítulos em um dia só
mais vocês também ajudaram ♥
vou responder aos comentários, para a nossa alegria  
Parey(de novo)
não liguem, to meio louca hoje. e só pra vocês saberem
no próximo cap vai ter mais parte hot(66   para a nossa alegria  
Parey(mais uma vez u.u)
-------------------------------------------------------------------------------------------------------------
R E S P O N D E N D O

  • Fã de Vans Slip-on: coitada mesmo, Obrigado, não demorei viu? mereço prêmio U.U.
  • @minedreamjb: Obrigado! *--*
  • anônimo: continuando *-*
  • anônimo: continuando *-*
  • EstefaneRamos: Continuando tia kkk , parey u.u
  • Justin Bieber: é o tipo de história que te faz cair da cadeira e desejar mais o Jerry(66 kkk, ok, sou tarada mesmo u.u, continuando e que bom que adorou. 
  • anônimo: adoro o nome "fodastica" é tipo fodastico shusahusah, que bom que adorou, continuando. 
  • @Beliebertoday10: kkk, jurava mais não é u.u,  kkkkk, Iza não ser pervertida (66, só um tiquim, é minhas leitoras são mesmo um bando de tarada kkk, parey, postei. *-*
  • lorena gomes: hehe, concordo, tinha que fazer ele pegar, #Momentomaliguina kkk, Obrigado pelo "perfeito" e continuo.
  • Beki: kkk continuo baby 
  • Thaay: kkk, sei lá o que foi isso shaushau , obrigado, gosto de coisas diferentes, afinal , ser diferente é ser normal , continuei ^.^ para a nossa alegria  , parey.
  • juju bieber: que bom ^^, awwm diva é você *-*, postei agora mate a danada da sua curiosidade. 
-------------------------------------------------------------------------------------------------------------
Obrigado pelos comentários floquinhos de chocolate
amo vocês
-------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Sequestro Cap 1 ✧



-------------------------------------------------------------------------------------------------------------



Skiler: me larga  -grita-
Xx: calada 

Skiler estava em uma rua vazia nas mãos de um sequestrador, estava voltando da aula de dança com sua amiga Jéssica, Skiler deixou-se ser pega
para que a amiga podesse fugir e chamar a policia, Jéssica não exitou e fugiu deixando Skiler sozinha.
a mesma tentava inutilmente fugir, o sequestrador já cansado daquilo bateu com a arma na cabeça dela e a mesma desmaiou instantaneamente, 
a levou até sua casa de praia, na verdade
uma mansão onde morava com seu comparsa, entrou e o avistou sentado no sofá vendo o jogo.

Xx: e ai Justin
Justin: e ai

Justin levou a garota até um dos quartos e a jogou na cama, ficou a olhando e pensando o quão linda aquela garota era, o quão linda ela seria gemendo
ou melhor gritando o seu nome enquanto a fodia, se viu excitado apenas com o pensamento pervertido, voltou pra sala e sentou-se no outro sofá.

Xx: posso te ajudar com isso

disse o comparsa sorrindo malicioso e apontando pra visível ereção de Justin, o mesmo retribui o sorriso malicioso, o comparsa foi até ele e abaixou-se
entre suas pernas, desceu as calças dele até o joelho e abocanhou aquele membro tão desejado, nenhum dos dois eram gays,. porém quando precisavam
de ajuda com "certas coisas" se ajudavam, eram amigos a 3 anos e faziam sequestro juntos, não para pedir dinheiro e sim para satisfazer o próprio prazer

Justin: isso cadela , assim 

gemeu Justin levando  a mão aos cabelos de seu comparsa

Justin: aah, Damon eu...

e antes que terminasse a frase gozou na boca de seu comparsa Damon, o mesmo sorriu e engoliu aquilo com gosto, ouviram gritos e batidas na porta, 
Justin foi até o quarto onde a garota estava e a fez calar-se, levou-a para o menor quarto da mansão e a jogou lá. 
Skiler ficou meio horrorizada ao ver 4 garotos e uma garota lá, todos apenas de roupas intimas, alguns machucados, outros sujos de sangue, o mais novo
aparentava ter 11 anos, Skiler sentiu vontade de vomitar ao imaginar o que aquele maniaco fazia com aqueles garotos e aquela garota, encolheu-se no canto
e poise a chorar,
depois de longos minutos Damon entrou no quarto e puxou a garota pro quarto em que estava antes, encontrou Justin deitado na cama pelado, o mesmo 
levantou-se e puxou a garota jogando-a na cama e arrancando-lhe a roupa sem cuidado algum, Damon fez o mesmo com a  própria roupa, Justin sentou
e puxou Skiler fazendo-a sentar em seu  colo penetrando-a sem aviso por trás, a mesma gritou de dor e chorou ainda mais, tentou sair de cima do mesmo
mais ao ver que cada vez que se mexia doía mais resolveu ficar parada, sentiu o sangue descer por suas pernas e desesperou-se mais.

Justin: era virgem -sussurra com pesar-

por incrível que parecesse pra si, Justin não queria machuca-la, sentia que ela era diferente dos(das) outros(as) que já passaram por ali.
Damon posicionou-se e a penetrou pela frente.

Skiler: aaaaaahhh 

gritou sentindo-se ser rasgada ao meio, ambos a penetraram freneticamente, Justin sempre com mais cuidado, Damon por sua vez fazia tudo violentamente
machucando-a com mordidas uma hora ou outra, Damon gozou e saiu de dentro da mesma rindo por vê-la tão mal, saiu do quarto, Justin gozou e saiu da 
mesma cuidadosamente deitando-a na cama, Skiler avia desmaiado, a pegou no colo, a banhou, vestiu-a com uma calcinha, e uma blusa de si mesmo.
saiu do quarto deixando-a dormindo.

...

depois de meia hora Justin  voltou ao quarto encontrando a garota encolhida na cama chorando, aproximou-se e sentou-se na ponta da cama, a mesma por
estinto afastou-se.

Justin: eu não vou te machucar -suspira- , quantos anos você tem?
Skiler: 17 -sussurra-
Justin: e qual seu nome?
Skiler: Skiler
Justin: nome tão lindo quanto a dona.
Skiler: -cora- me deixa ir embora
Justin: -suspira- não posso
Skiler: -abaixa a cabeça- por favor -sussurra-
Justin: não posso , sinto muito

falou ele erguendo a cabeça da mesma e olhando-a nos olhos, a viu chorar novamente e seu coração apertou, ele inclinou-se e ficou por cima da mesma.

Skiler: pa-para
Justin: eu não quero te machucar, mais se você não fizer por bem vou ter que fazer a força. 
Skiler: é só que eu -
Justin: você o quê?
Skiler: to dolorida



falou a garota corando e virando a cabeça pro lado, Justin sabia que ela era virgem antes e que provavelmente estaria dolorida com o que aconteceu então
concentrou-se apenas em dar prazer a ela, beijou-a no pescoço, desceu pro queixo , subiu e a beijou na boca, estranhou ao ser correspondido porém não 
podia dizer que não gostou, desceu o beijo e abriu a blusa que Skiler usava, beijo-a nos seios e desceu por sua barriga deixando os rastro de saliva por
onde passava, tirou a calcinha da mesma e caiu de boca em sua intimidade

Skiler: aaah

gemeu Skiler segurando os cabelos de Justin, o mesmo fazia movimentos circulares e de sobe e desce com a língua, queria apenas dá prazer a ela, queria fazê-la sentir
com ele o que nunca sentiu com mais ninguém, continuou até senti-la gozar.

Justin: gostou?
Skiler: mu-muito 

falou ainda estaziada pelo prazer que sentiu, sentia-se boba devido ao recente orgasmo.

Skiler: você ainda não me disse seu nome.
Justin: Justin
Skiler: lindo nome -sorri-
Justin: não tanto quanto seu sorriso
Skiler: -cora- obrigado 

-------------------------------------------------------------------------------------------------------------

C O N T I N U A...


-------------------------------------------------------------------------------------------------------------


Oii minhas floquinhos de chocolate, como estão? gostaram do primeiro Cap? eu espero que sim.
peço que leiam o aviso anterior que postei e também que comentem no Imagine da Rafaela.
E bom... estou triste com vcs mais não irei mais pedir comentários.
comentem se quiserem, postarei todos os dias, sempre caps desse tamanho .

-------------------------------------------------------------------------------------------------------------