3 de mai de 2012

               Garota Indomável |12| ❥





Justin: eu espero o tempo que for preciso. 

sussurrou e logo adormeceu.


( ... )


Justin acordou primeiro que Emma, sorriu ao vê-la dormindo e saiu rumo ao seu quarto pra tomar banho, afinal ainda estava sujo da noite anterior.

...

Após terminar o banho voltou para o quarto de Emma encontrando-a sentada na cama enrolada  em um lençol branco.

Justin: Bom Dia!

falou sorrindo tentando dar-lhe um beijo mais a mesma desviou

Justin: o que foi?
 Emma: depois a gente conversa

falou entrando no banheiro.

 ....

Justin: então, o que foi?

perguntou sentando-se ao lado de Emma que estava no sofá com uma tigela de cereal em mãos.

Emma: foi só uma transa.
Justin: o quê?
Emma: foi só uma transa Justin, o que aconteceu ontem, então esqueça
Justin: você lembra o que eu disse ontem?
Emma: lembro e sinto muito.

Justin desviou o rosto pro outro lado, sabia que se a olha-se ela veria o quão triste ele estava.

Justin: então, vai me contar o que aconteceu ontem pra você ter ficado daquele jeito?

 falou olhando-a e forçando um sorriso, sorriso esse que não enganaria nenhuma criança de 2 anos.

Emma: bom... é que eu descobri [ ... ]

Emma o contou tudo, desde a parte de ligação até a parte do cemitério. Justin ouviu tudo atentamente surpreendendo-se com o que ouviu, pelo que madre superiora avia conta-lhe  a mãe de Emma avia levado um tiro no peito, então como?  como ela ainda estava viva? Justin parou de pensar nisso e voltou a pensar no que Emma avia falado.
"Foi só uma transa"

Emma: Justin tá me ouvindo? tá tudo bem? 
Justin: não.
Emma: porque?
Justin: poxa, é que eu me declarei pra você ontem e agora você falou aquilo.

Sim, Emma o amava mas já mais admitiria isso.

Emma: eu gosto de você.
Justin: mais não me ama.
Emma: não.

mentiu descaradamente olhando-o nos olhos.

Justin: eu vou te conquistar.
Emma: você pode tentar. -Sorri de canto-
Justin: vou começar agora.
Emma: como?
Justin: te seduzindo. 

falou subindo em cima da mesma com um sorriso safado nos lábios.
mais uma vez, transaram ou fizeram amor? Emma não sabia que palavra usar, pelo menos não ainda. 


( ... )


fora dali, especificamente em frente a porta da casa de Justin, avia uma mulher, cabelos longos e loiros, um corpo de dar inveja a muitas jovens, trajava um terno(feminino), tinha 33 anos porém aparentava ter em volta dos 25, a mulher cujo nome era Nicole respirou fundo tomando coragem e bateu na porta. 
do lado de dentro Justin que dormia tranquilamente no sofá com Emma sobre si acordou com as batidas na porta, gritou um "já vai" e pegou Emma no colo levando-a para o quarto, vestiu uma roupa, já que estava apenas de cueca, desceu, abriu a porta deparando-se com uma linda mulher.

Justin: posso ajuda-la? -Sorri-
Nicole: é aqui que mora Emma Bittencourt?
Justin: sim
Nicole: prazer, sou Nicole Bittencourt.

Justin arregalou os olhos.

Justin: vo-você é...
Nicole: a mãe da Emma
Justin: entre

a mesma entrou olhando para todos os lados.

Nicole: onde ela está?
Justin: está dormindo.

Justin a convidou para sentar-se, os dois ficaram conversando por um longo tempo.


[ ... ]


Emma: JUSTIN

gritou Emma, a mesma avia acordado a pouco tempo, tomado banho e descido pra falar com Justin, caminhou até a sala a procura do "Deus Grego" e seus olhos arregalaram-se ao ver quem estava sentada ao lado de Justin.

Emma: mamãe? 

sussurrou Emma em um visível estado e choque.

Nicole: Emma

gritou Nicole correndo até a filha e abraçando-a forte.

Nicole: meu amor, como você cresceu, está tão linda, você está bem?
Emma: o que está fazendo aqui?
Nicole: vim ver você meu amor.
Emma: o que você tem na cabeça afinal? há, deixa eu adivinhar, merda né? só pode.
Nicole: fale direito comigo.
Emma: fale direito comigo o caralho.
Nicole: eu ainda sou sua mãe.
Emma: ah, agora você lembra disso? você me abandonou durante anos e agora reaparece como em um passe de mágicas? quer saber, vai catar coquinho e me esquece. - Grita- 
Justin: deixa ela te explicar o que aconteceu Emma.
Emma: eu não quero porra de explicação

gritou saindo de casa. 

[ ... ]

1 hora depois

Emma estava caminhando a 1 hora, estava triste, feliz, com raiva, era um misto de emoções, o que fazer? o que pensar? deveria ficar feliz ou triste? eis as questões.
Emma avistou uma sorveteria do outro lado da rua.
"Isso, sorvete é o que eu preciso pra me sentir melhor"
pensou.
a mesma sorriu como uma criança e olhou para os lados, foi atravessar a rua e do nada um carro desgovernado apareceu acertando-a em cheio.



Continua....


Cap dedicado a Lindsey Lima & Firework Bomb

Lindsey obrigado pelo apoio amor
Leiam também: http://jasonmccann-stories.blogspot.com.br/    &  http://jadebragaoficial.blogspot.com.br/bebês exclui meu outro msn, então... quem quizer continuar mantendo contato comigo, me adicionem nesse msn aquiapenas.uma.belieber@hotmail.comQuero ter todas as minhas vaquinhas no meu msn.

  
Oii bebês minhas, sentiram minha falta? eu senti de vocês ♥, bom, tenho uma pergunta, vocês estão mesmo gostando de garota indomável? seja sinceras, preciso mudar algo? não quero que vocês digam "não precisa mudar nada, tá perfeito", quero que me dêem suas sinceras opiniões, se tiver que melhorar algo por favor me avisem.

sobre a moderadora no próximo cap lhes digo quem ganhou a vaga *-*

os comentários abaixaram muito e é por esse motivo que eu demoro pra postar, os comentários de vocês é o que me inspira, sem comentários sem inspiração, fico realmente triste quando entro no blog e vejo que tem poucos comentários, então se não quizerem que eu abandone o blog comentem.

leitoras fantasmas apareçam, comentem, sigam o blog, garanto que os dedinhos não irão cair e se cair nós cola, promessa da 
Iza u.u;
                                                      
    Minhas Laisa & minha Érica cadê vocês? apareçam amores, to ficando preocupada.