12 de jan de 2012

Treinada para matar cap 11/SM, qual o seu nome?




SM- isso é pra você aprender a não dizer: Pegue-na. -A imitei-

Eu ia sair e voltar pro meu hotel mais antes de sair dei de cara com Amanda.


SM- achei que tivesse morrido com aquele tiro.
Amanda- como pode ver estou mais viva do que nunca.

Apontamos nossa armas uma pra outra ao mesmo tempo.

SM- quer tentar a sorte?
Amanda- não sou tão boba assim, com sua rapidez e experiência me venceria.
SM- que bom que sabe.
Amanda- porém, não desisto fácil.

Ela disse e rapidamente chutou minha mão me fazendo derrubar minha arma, dei uma rasteira nela a fazendo cair no chão, fiquei em cima dela e dei um soco em seu nariz, Ela me empurrou, nós duas nos levantamos.

Amanda- você é rápida
SM- admito que você também é.

Ela me chutou me fazendo bater na parede, ela ia me socar na cara mais eu abaixei a fazendo bater na parede, dei um chute em sua barriga




 ela caiu no chão, peguei minha arma rapidamente e atirei em sua cabeça.

SM- isso é pra você aprender que ninguém pode comigo, como meu nome mesmo diz, sou SM, Sexy & Mortal, Aprenda querida, fui "treinada para matar".

Eu sorri ao vê-la jogada no chão e sai, Entrei em meu hotel e vi meus dois seguranças jogados no chão, um tava baleado na perna e o outro tava baleado na cabeça, abaixei ao lado do baleado na perna, fiz um torniquete na perna dele com a barra do meu vestido.

SM- quem fez isso?
Segurança- foi... foi o.. foi...

Ele desmaiou, subi pra ver se tinha acontecido algo com o Justin, o segurança depois o levo ao hospital, cheguei em frente ao meu quarto abri a porta e vi uma plaquinha em cima da minha cama, e nela tinha escrito:



Errou de novo SM, que pena não é mesmo? parece que você não é tão esperta assim.


Olhei pra mesinha ao lado da cama e em cima dela também tinha uma plaquinha escrita:



Você estava com uma vida que era minha, apenas peguei de volta o que era meu. Agora, olhe pra trás.


Me virei, e alguém apertou um pano sobre o meu rosto, Apaguei. 



[ ... ]



Acordei em uma sala meio escura, apenas uma luz fraca a clariava, tinha facas, armas, agulhas e tudo que você poder imaginar tinha preso nas paredes,  parecia uma sala de tortura, minhas mãos estavam amarradas com uma corda presa a parede, olhei e vi Justin bem ao meu lado, estava do mesmo jeito que eu, bati meu ombro no dele para acorda-lo.
ele abriu os olhos

Justin- você tá bem? machucaram você? te fizeram algo?
SM- calma, eu to bem, e você? não te machucaram né?
Justin- não, eu to bem!
SM- sorte a deles não terem te machucado.
Justin- "SM, qual o seu nome?"
SM- Justin acho que essa não é uma boa hora pra perguntar o meu nome.
Justin- é só que...  se eu vou morrer, quero morrer sabendo o nome da pessoa Que eu amo.
SM- Katerine, meu nome é Katerine, E eu também amo você.




Continua ... 18 Comentários.




tá ai amores, agora vocês sabem o nome dela.
Kathy dei uma olhada nos seus blogs e AMEI
Eu não deveria nem postar o cap 11, motivo? a maioria dos comentários são da mesma pessoa, já falei, anônimo não comente mais de 2 vezes, os comentários abaixaram,
 o que foi? não estão mais gostando do IB?
preciso da resposta.